Mundo

Eita! Mundo pode ter escassez de preservativo devido à pandemia do novo coronavírus

Produção está parada há mais de uma semana

Por Redação Tupi

A Karex Bhd na Malásia, maior produtora de camisinha do mundo, anunciou, nesta sexta-feira (27), que deve ocorrer em breve uma escassez global de preservativos por causa da interrupção do funcionamento das fábricas devido à pandemia do novo coronavírus.

A produção está parada há mais de uma semana. Nesse período, já teriam sido fabricados algo em torno de 100 milhões do produto, vendido por marcas como a Durex, ou fornecidos por sistemas de saúde do governo em outros países ou pela ONU.

A Malásia é o país mais afetado do Sudeste Asiático, com 2.161 infecções por coronavírus e 26 mortes. O bloqueio deve permanecer em vigor pelo menos até 14 de abril.

Os outros principais países produtores de preservativos são a China, onde o coronavírus se originou e levou a paralisações generalizadas nas fábricas, e a Índia e a Tailândia, que estão vendo infecções aumentando apenas agora.

Fabricantes de outros itens críticos, como luvas médicas, também enfrentaram dificuldades em suas operações na Malásia.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
28 de Novembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show de Bola
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »