Patrulhando a Cidade

Médico e dona de clínica de estética são procurados pela morte de funkeira

Mc Atrevida morreu aos 43 anos, após realizar cirurgia na clínica de Wania Tavares

Por Redação Tupi

Foto: Reprodução Facebook

A Polícia Civil realiza operação, nesta terça-feira, para cumprir mandados de prisão contra o médico Wilson Ernest Garlaza Jara e Wania Tavares, dona de uma clínica de estética. Os dois foram indiciados pela morte de Fernanda Rodrigues, conhecida como MC Atrevida.

A funkeira morreu após um procedimento estético, em Julho de 2020. De acordo com o delegado Cristiano Maia, responsável pelo caso, além da dupla que é acusada de homicídio doloso, uma terceira suspeita também foi indiciada pelo crime.

Mc Atrevida morreu aos 43 anos, após realizar cirurgia na clínica de Wania Tavares, localizada na Zona Norte do Rio.

Comentários

enquete

Você acha que o Vasco da Gama leva a Taça Rio?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
17 de Maio de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Radar Tupi
« Programa Anterior
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »