Brasil

Mourão classifica como ‘oportuna’ decisão do STF de suspender orçamento secreto

Em conversa com jornalistas, vice-presidente defendeu que seja dado  o "máximo de publicidade" à destinação do dinheiro público

Por Redação Tupi

Mourão
(Foto: Reprodução)

O vice-presidente da República, o general Hamilton Mourão (PRTB), afirmou nesta quarta-feira que a “intervenção” do Supremo Tribunal Federal (STF) no chamado “orçamento secreto” foi “oportuna”. A declaração, que vai na contramão do restante dos membros do governo federal, aconteceu ao ser questionado por jornalistas nesta manhã, durante a chegada dele ao Palácio do Planalto.

“Acho que os princípios da administração pública, de legalidade, de impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência não estavam sendo respeitados, não é, nessa forma aí de execução orçamentária. Então, eu acho que a intervenção do STF foi oportuna”, avaliou Mourão.

O vice-presidente ainda defendeu, na sequência, que seja dado  o “máximo de publicidade” à destinação do dinheiro público. “Eu não posso mandar um recurso para um lugar ‘X’ que eu não sei como é que vai ser gasto. Vamos lembrar que, se o dinheiro fosse meu, eu posso até rasgar, mas o dinheiro não é meu. O dinheiro pertence a cada um de nós que paga imposto e contribuiu para que o governo possa se sustentar”, afirmou.

É importante destacar que os recursos do “orçamento secreto” têm origem em emendas parlamentares cuja transparência é questionada em ações no Supremo e no Tribunal de Contas da União (TCU). Na semana passada, a ministra Rosa Weber suspendeu o pagamento desse tipo de emenda, através de uma liminar. Na última terça-feira (09), o colegiado do STF manteve a decisão, por oito votos a dois.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
05 de Dezembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Super Futebol Tupi
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
20:00 - Conexão Tupi
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »