Capital Fluminense

Após 9 dias da morte do pai, filha de Laíla morre vítima da Covid-19 no Rio

Denize da Silva Ribeiro estava internada no Hospital Municipal Ronaldo Gazolla, em Acari, na Zona Norte

Por Luiz Walcyr

Denize Ribeiro e Laila
Denize Ribeiro e Laíla (Foto: Reprodução)

Morreu, na noite deste domingo (27), vítima da Covid-19, Denize da Silva Ribeiro, filha do diretor de Carnaval Laíla.

Denize, de 56 anos, deu entrada no Hospital Municipal Evandro Freire, na Ilha do Governador, no dia 13 de junho e, desde o dia 14, estava internada no Hospital Municipal Ronaldo Gazolla, em Acari, na Zona Norte do Rio. Ela deu entrada na unidade dois dias antes do pai ser internado com sintomas da Covid.

Diretor de Carnaval Laila com a família
(Foto: Arquivo pessoal)

Segundo informações da família, na quinta-feira (24) Denize precisou ser intubada após a saturação dela cair.

 

Além de Denize, Laíla, que morreu aos 78 anos vítima da Covid-19, no dia 18 de junho, também era pai de Luiz Cláudio da Silva Ribeiro.

Família de Laíla
(Foto: Arquivo Pessoal)

O diretor de Carnaval foi infectado pelo coronavírus mesmo após ter sido imunizado contra a doença com as duas doses da vacina. Ele não resistiu após ter tido uma parada cardíaca por complicações da doença.

Denize da Silva Ribeiro era casada e deixa o filho Luiz Antonio Ribeiro dos Santos, de 17 anos. Ainda não há informações sobre velório e enterro.



Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
20 de Julho de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Tupi na Rede
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »