Conecte-se conosco

Capital Fluminense

Prefeitura do Rio trabalha no desassoreamento do Rio Grande, na Cidade de Deus

Mais de 60 mil toneladas de material assoreado já foram retiradas do canal

Publicado

em

Desassoreamento do Rio Grande, na Cidade de Deus, Zona Oeste do Rio
Desassoreamento do Rio Grande, na Cidade de Deus, Zona Oeste do Rio (Foto: Divulgação / Prefeitura do Rio)

A Prefeitura do Rio, por meio da Fundação Rio-Águas, ente vinculado à Secretaria Municipal de Infraestrutura, trabalha na limpeza e no desassoreamento do Rio Grande, na Cidade de Deus. O investimento é de R$ 2,7 milhões do município na prevenção de enchentes e alagamentos.

Mais de 60 mil toneladas de material assoreado já foram retiradas do canal, o que representam mais de 5 mil caminhões. Quatro escavadeiras hidráulicas trabalham na limpeza do rio, ao longo da Avenida Cidade de Deus, no trecho da Avenida Marechal Miguel Salazar Mendes de Moraes até o encontro com o Rio Arroio Fundo.

Desassoreamento do Rio Grande, na Cidade de Deus, Zona Oeste do Rio
Desassoreamento do Rio Grande, na Cidade de Deus, Zona Oeste do Rio (Foto: Divulgação / Prefeitura do Rio)

“Essa limpeza do Rio Grande trará melhorias significativas no escoamento das águas pluviais das localidades do entorno do rio, como a Cidade de Deus. Os serviços beneficiam a extensão de 2.100 metros de rio. A expectativa é de sejam retiradas cerca de 70 mil toneladas de material do canal, o que equivale a mais de 5800 caminhões basculantes”, destacou o presidente da Fundação Rio-Águas, Wanderson Santos.

“A limpeza do Rio Grande é importante para a região. Estamos organizados para terminar os serviços até o final desse ano para estarmos mais preparados para as chuvas de verão. A Prefeitura está fazendo intervenções muito relevantes para prevenção de enchentes e alagamentos”, destacou a subprefeita de Jacarepaguá, Talita Galhardo. Os trabalhos têm previsão de término até dezembro.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.