Rio

Espada samurai pode ter sido usada por milicianos para arrancar coração de desafetos, segundo investigações

O objeto foi encontrado debaixo da cama de um dos alvos de busca e apreensão da investigação

Por Redação Tupi

Uma megaoperação realizada nesta quinta-feira apreendeu uma espada samurai. A ação foi feita em alguns pontos do Rio, Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Rio Bonito para cumprir 74 mandados de prisão contra um grupo paramilitar ligado ao ex-PM e miliciano Orlando Oliveira Araújo, o Orlando Curicica, preso desde outubro de 2017.

Segundo a polícia, se investiga se a espada era usada para decapitar e arrancar o coração dos desafetos do bando. O objeto estava escondido debaixo da cama de um dos alvos de busca e apreensão da investigação.

De acordo com informações, a milícia de Itaboraí agia com crueldade contra seus desafetos. Um mototaxista teve o coração arrancado pelos milicianos após ter sido morto. O grupo paramilitar acreditava que o homem teria dado informações a traficantes sobre um dos integrantes do bando, Wanderson da Silva Oliveira, de 25 anos, o Júnior ou Juninho, que foi morto em março passado.

recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
14 de Dezembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show de Bola
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »