Rio

Ex-chefe da Casa Civil acusa Marcelo Crivella de ter realizado obras clandestinas

O vereador Paulo Messina rompeu com a atual gestão da Prefeitura no mês passado

Por Redação Tupi

O ex-chefe da Casa Civil vereador Paulo Messina (PRTB) acusou o prefeito Marcelo Crivella de realizar obras clandestinas, sem licitações, tampouco fiscalização. Mês passado, ele rompeu com o prefeito e atual gestão da Prefeitura do Rio.

Messina fez as acusações em um vídeo publicado no Facebook, nesta quinta-feira. Na postagem, ele afirma que diversas construções cujos custos foram, supostamente, arcados pelo município, ainda estão em andamento, apesar de não seguirem as burocracias legais.

O vereador disse que a denúncia veio de servidores da Geo-Rio, e as obras seriam por diversos bairros e favelas.

“Se essas obras não existem no papel, não têm contrato. Se não têm registro no CREA (Conselho Federal de Engenharia e Agronomia), não têm engenheiro responsável pela obra. Não tem ART, que é o atestato de responsabilidade técnica. Não tem sequer a fiscalização dos órgãos da prefeitura para ver se a obra está respeitando o projeto. Sabe o caso da Muzema? Pois é. Nesta situação de agora é o próprio poder público que está fazendo obras clandestinas. Esse mecanismo escancara uma porta para a corrupção”, disse Messina no vídeo.

Depois, ele mostrou a planilha que teria recebido dos funcionários, com uma série de processos fantasmas; entre eles, da Avenida Niemeyer, um caso problemático da cidade.

Comentários

enquete

Fluminense tem chances de avançar na Libertadores?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
06 de Maio de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »