Patrulhando a Cidade

Troca de tiros deixa 12 milicianos mortos em Itaguaí

Grupo vinha sendo monitorado há cerca de 15 dias pelo serviço de inteligência

Por Redação Tupi

Carlos Eduardo Benevides Gomes, chefe da milícia em Itaguaí (Foto: Reprodução)

Doze milicianos foram mortos durante uma intercepção da Polícia Civil, na noite desta quinta-feira (15), em Itaguaí, na Região Metropolitana do Rio. Entre os mortos está o ex-policial militar Carlos Eduardo Benevides Gomes, o Cabo Benê, um dos homens mais procurados do estado. Ele é apontado pela polícia como chefe da milícia em Itaguaí.

De acordo com a corporação, o grupo vinha sendo monitorado há cerca de 15 dias pelo serviço de inteligência da Força Tarefa, que apurou a frequente movimentação de criminosos em uma rota que liga a Zona Oeste à Baixada Fluminense.

O comboio, formado por quatro carros, foi interceptado por policiais da Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE), durante a ação conjunta com a PRF. Um policial ficou ferido no confronto e foi salvo pelo colete à prova de balas.

Ainda segundo informações da Polícia Civil, oito fuzis, pistolas, munições, rádios comunicadores e quatro carros foram apreendidos.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
26 de Outubro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Tupi na Rede
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »