Conecte-se conosco

Rio

Gilson Cantarino, ex-secretário estadual de Saúde, morre aos 71 anos no Rio

Médico foi secretário municipal de Saúde de Niterói por dez anos, entre 1989 e 1999 e também secretário Estadual de Saúde do governo Rosinha Garotinho, entre 1999 e 2002

Publicado

em

Ex-Secretário de Saúde
(Foto: Divulgação / Prefeitura de Niterói)
Ex-Secretário de Saúde

(Foto: Divulgação / Prefeitura de Niterói)

O médico e ex-secretário de Estado de Saúde, Gilson Cantarino, morreu nesta quinta-feira (21), aos 71 anos, no Rio de Janeiro. A causa da morte não foi divulgada pela família. O velório aconteceu na tarde desta sexta-feira (22), no Cemitério do Maruí, no Barreto, em Niterói, na Região Metropolitana. O ex-secretário deixa esposa, filhos e netos.

Gilson foi secretário municipal de Saúde de Niterói por dez anos, entre 1989 e 1999 e também secretário Estadual de Saúde do governo Rosinha Garotinho, entre 1999 e 2002.

O prefeito de Niterói, Axel Grael (PDT), decretou três dias de luto oficial e disse que o Hospital Oceânico passará a ter o nome do médico.

A Secretaria estadual de Saúde do Rio de Janeiro lamentou a morte e prestou condolências aos familiares.

O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) também manifestou pesar pelo falecimento do médico.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.