Jornalismo

Justiça decreta prisão preventiva para pedreiro que matou vendedor com botijão de gás

Venilson da Silva Souza, de 33 anos, já foi encaminhado para um presídio em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio

Por Diana Rogers

(Foto: Reprodução)

A Justiça do Rio converteu em preventiva a prisão do homem acusado de atirar um botijão de gás pela janela de casa em Copacabana, e causar a morte do vendedor de frutas Pedro de Brito, conhecido como Tronco.

A defesa do pedreiro Venilson da Silva Souza pediu a liberdade provisória do cliente na audiência de custódia. No entanto, o Juízo da Custódia acatou o requerimento do Ministério Público do Rio e determinou a prisão preventiva. O pedreiro, de 33 anos, foi encaminhado para um presídio em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio.

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária informou que o detento está sendo acompanhado pela equipe de saúde da unidade passando por avaliação psiquiátrica.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
29 de Novembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Baú da Tupi
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
08:00 - Show do Heleno Rotay
22:00 - Giro Esportivo
11:00 - Samba Social Clube
03:00 - Domingo Show
12:00 - Bola em Jogo
06:00 - Ele & Ela
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »