Capital Fluminense

OAB deve julgar cassação da carteira de Adriana Ancelmo

Para ter a carteira de advogada cassada, ex-primeira dama terá que receber 54 votos. Expectativa pelo arquivamento do processo

Por Lucas Araújo

Adriana Ancelmo e Sérgio Cabral
Adriana Ancelmo e Sérgio Cabral (Foto: Reprodução)

O Tribunal de Ética e Disciplina da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) deve realizar hoje o julgamento do pedido de cessação da carteira profissional da ex-primeira-dama do Rio de Janeiro, Adriana Ancelmo. Ao todo, 180 conselheiros vão participar da votação, que deve acontecer às 16h, na sede da instituição, localizada na região central do Rio de Janeiro.

Para ter a carteira de advogada cassada, Adriana Ancelmo terá que receber 54 votos, mas a expectativa é de que o relator do pedido, Renato Tonini, peça o arquivamento do processo. Adriana foi denunciada em 2016, quando foi presa com o ex-marido, o ex-governador Sérgio Cabral, por crimes de lavagem de dinheiro e organização criminosa.

A base do pedido de exclusão levou em consideração a Operação Calicute, da Polícia Federal e do Ministério Público Federal, desdobramento da Lava Jato do Rio. À época, ela chegou a ficar com a carteira da Ordem suspensa por três meses.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
18 de Novembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Cidinha Livre
« Programa Anterior
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »