Conecte-se conosco

Capital Fluminense

Rio chega a 16 casos da Varíola dos Macacos

Todas as pessoas que estão infectadas pela doença são monitoradas diariamente pela Secretaria de Estado de Saúde

Publicado

em

Varíola dos Macacos
Varíola dos Macacos (Foto: Reprodução)

O Ministério da Saúde atualizou, neste domingo (3), 76 casos da Varíola dos Macacos (monkeypox) no Brasil até o momento. Desse número, 16 casos foram registrados no estado do Rio. Em nota, o Ministério da Saúde afirmou que segue em articulação direta com os estados para monitoramento dos casos e rastreamento dos contatos dos pacientes.

Todas as pessoas que estão infectadas pela doença são monitoradas diariamente pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) e pelas equipes de Vigilância em Saúde dos municípios. A SES ressaltou a importância de evidenciar que, embora a varíola tenha sido identificada pela primeira vez em macacos, o surto atual não tem relação com esses animais.

A varíola dos macacos é uma doença viral rara transmitida pelo contato próximo, íntimo com uma pessoa infectada e com lesões de pele. Esse contato pode ser, por exemplo, um abraço, beijo, massagens, relações sexuais ou secreções e mucos da pessoa infectada.

Quais os sintomas da doença?

Os sintomas iniciais costumam ser febre, dor de cabeça, dores musculares, dor nas costas, região de gânglios inchada, calafrios e exaustão. Entre 1 a 3 dias após o aparecimento da febre, o paciente desenvolve uma erupção na pele, geralmente começando no rosto e se espalhando para outras partes do corpo.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.