Conecte-se conosco

Capital Fluminense

Rio se torna 1ª cidade do país a permitir entrada de animais em supermercados

Entre as normas do novo decreto, estão a exigência de vacinação e o uso de coleira nos estabelecimentos

Publicado

em

pet em carrinho de supermercado
(Foto: Beth Santos/Prefeitura do Rio)

Cães e gatos já são bem-vindos nos supermercados do Rio de Janeiro, primeira cidade do Brasil a permitir a entrada e circulação de animais domésticos nestes estabelecimentos. A medida foi oficialiada neste sábado (6), em um supermercado da Zona Oeste.

Entre as normas estabelecidas no decreto para a presença de animais nos supermercados, será necessário que o tutor apresente certificado de vacinação e comprovante de vermifugação, que deverá ser exigido pelos estabelecimentos.

Será proibida a entrada com cães sem coleira ou sem focinheira (dependendo do porte) ou, no caso de gatos, fora de caixa adequada para transporte. Oferecer água ou comida aos animais dentro do supermercado também não será permitido.

“Essa é uma medida tomada com todos os cuidados, não há qualquer risco sob o ponto de vista de vigilância sanitária. Ficamos muito felizes de fazer com que nos supermercados da cidade do Rio de Janeiro as pessoas possam fazer as compras e levar seus pets”, disse o prefeito Eduardo Paes.

(Foto: Beth Santos/Prefeitura do Rio)

O evento contou ainda com vacinação antirrábica promovida pelo Instituto Municipal de Vigilância Sanitária (Ivisa-Rio) e distribuição de senhas para castração de cães e gatos. Também foram aplicados microchips nos pets para identificação e rastreio, além da presença de animais das unidades públicas de medicina veterinária que estão disponíveis para adoção responsável.

– Fizemos um decreto com bastante normas técnicas, mas que não burocratizou essa questão. O importante é o supermercado adequar a sua unidade em termos de higiene e limpeza. Não tem mais motivo para encontrar, hoje, um animal preso fora do mercado, enquanto o seu dono está fazendo compras – afirmou o secretário de Saúde, Rodrigo Prado.

A Associação de Supermercados do Estado do Rio de Janeiro (Asserj) será responsável pela emissão do selo Super Pet para os mercados que desejarem aderir à prática, que poderão dispor de áreas de recreação para os animais, desde que sob supervisão constante, além da oferta de carrinhos específicos para o trnsporte dos pets.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.