Conecte-se conosco

Rio

TRF-2 autoriza investigação contra Marcelo Bretas por participar de ato político

Juiz foi a um evento junto com o presidente da República, Jair Bolsonaro, e com o prefeito do Rio, Marcelo Crivella

Publicado

em

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

O Tribunal Regional Federal, da 2ª Região aprovou, nesta quinta-feira (7), no Órgão Especial, a continuidade de um processo disciplinar contra o juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal, do Rio de Janeiro, responsável pela Lava Jato no Estado.

O processo vai apurar se o magistrado violou normas da magistratura ao comparecer em atos públicos, de caráter político-partidário, junto com o presidente da República, Jair Bolsonaro, e com o prefeito do Rio, Marcelo Crivella.

O caso se refere à participação do juiz no dia 15 de fevereiro em dois eventos — inauguração da alça de ligação da Ponte Rio-Niterói com a Linha Vermelha e um evento religioso na Praia de Botafogo. Na época, Bretas disse que foi a convite do presidente da República.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *