Rio

Witzel diz que vai passar domingo trabalhando na própria defesa

Por decisão do STJ, governador foi afastado do cargo na última sexta-feira (28), no âmbito da operação ‘Tris is Idem’

Por Redação Tupi

(Divulgação)

Wilson Witzel usou as redes sociais na manhã deste domingo (30) para lamentar o afastamento dele do cargo de governador do Rio, em decorrência das investigações da Polícia Federal e do Ministério Público, que apuram desvios de dinheiro na compra de materiais médicos na saúde do estado, em meio à pandemia do novo coronavírus. Witzel publicou que está passando o domingo trabalhando na defesa jurídica do caso, que, segundo ele, está sendo cerceada pela justiça.

Ele disse ainda que vai provar a inocência, e que está sendo linchado politicamente foi contrariar os interesses dos poderosos. Em outra publicação, Witzel reafirma que jamais compactuou com os atos de corrupção praticados pelo ex-secretário estadual de saúde, doutor Edmar Santos, e que o médico traiu a todos do governo.

Por decisão do Supremo Tribunal de Justiça, Wilson Witzel foi afastado do cargo de governador na última sexta-feira, no âmbito da operação ‘Tris is Idem’, que resultou nas prisões do ex-secretário de desenvolvimento econômico, Lucas Tristão, do presidente nacional do Partido Social Cristão, pastor Everaldo Pereira, e do filho dele, o ex-deputado Filipe Pereira.

De acordo com o Ministério Público, eles são apontados como membros da organização criminosa que desviava verba pública da saúde do Rio.

Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
18 de Maio de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Tupi na Rede
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »