Rio

Advogado de Sérgio Cabral defende validade da delação do ex-governador

Acordo foi firmado com a Polícia Federal, e o ministro Edson Fachin, homologou a delação

Por Redação Tupi

Foto: Reprodução

O advogado Márcio Delambert, que faz a defesa do ex-governador do Rio, Sérgio Cabral, emitiu uma nota na noite desta quarta-feira (12), defendendo a delação no qual Cabral, faz acusações sobre o ministro do STF, Dias Tofoli. O acordo foi firmado com a Polícia Federal, e o ministro Edson Fachin, homologou a delação.

Já foi marcado para o próximo dia 21, no plenário virtual do STF, o julgamento de um recurso da Procuradoria-Geral da República, que pretende anular a delação do ex-governador Sérgio Cabral. Os ministros da corte terão até o dia 28 para apresentar os votos sobre o caso.

Segundo Sérgio Gabral, o ministro Toffoli, recebeu R$ 4 milhões em troca de favorecimento em processos sobre 2 prefeitos do Estado do Rio de Janeiro no TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Toffoli atuou na Corte eleitoral de 2012 a 2016.

O ministro Dias Toffoli, informou que não tem conhecimento dos fatos mencionados e disse que jamais recebeu os supostos valores ilegais. Ele também negou a possibilidade de ter trabalhado para favorecer qualquer pessoa desde que assumiu o cargo no STF.

Leia a íntegra da nota da defesa de Cabral:

“NOTA DEFESA SÉRGIO CABRAL

O Acordo de colaboração premiada do ex-Governador Sérgio Cabral foi homologado pelo STF por estar pautado rigorosamente dentro da legalidade.
Em outras palavras, foram apresentados relatos consistentes sobre vários assuntos, com apresentação de provas e elementos de corroboração devidamente confirmados.
Surpreende a resistência daquilo que seria óbvio, abrir uma investigação criminal diante da oceânica quantidade de elementos que precisam ser apurados.
Como colaborador o ex-governador narrou com riqueza de detalhes e extrema simplicidade os assuntos que participou, gravados espontaneamente em vídeo, tudo conforme determina a lei.
Os seus benefícios são aqueles previstos na lei, nada mais. A propósito, permanece preso em Bangu 8, sendo o único em mais de 300 pessoas encarcerado.
Ademais, nunca o Ministério Público Federal ou a PGR disseram textualmente que não queriam celebrar acordo de colaboração premiada com o ex-governador.
Inaceitável se tentar abalar o trabalho sério realizado pela Polícia Federal, com base em argumentos mentirosos, vociferados covardemente da boca de verdadeiros aproveitadores.

MÁRCIO DELAMBERT”

 

 



Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
14 de Junho de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Na Companhia Do Garcia
« Programa Anterior
04:00 - Show do Mário Belisário
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »