Política

Cunha e Dirceu viram companheiros de cela em Curitiba

Dividindo o espaço com os dois, também estão o ex-tesoureiro do PT João Vaccari, o ex-senador Gim Argello (PTB) e outros três detentos

Por Redação Tupi

Dividindo o espaço com os dois, também estão o ex-tesoureiro do PT João Vaccari, o ex-senador Gim Argello (PTB) e outros três detentos
(Foto: Reprodução/ Internet/ Montagem)

O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu (PT) e o ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (MDB), estão dividindo a mesma cela no Complexo-Médico Penal (CMP), em Curitiba, no Paraná. A informação é da coluna de Mônica Bergamo, no jornal Folha de São Paulo.

Os 38 presos da Operação Lava Jato foram transferidos da Galeria 6, onde estavam, para uma ala do hospital penitenciário do Complexo. Agora, ao invés de dois detentos, são seis dividindo o mesmo espaço. Além de Dirceu e Cunha, também estão no mesmo espaço o ex-tesoureiro do partido dos trabalhadores João Vaccari, o ex-senador Gim Argello (PTB) e outros três detentos.

A transferência foi feita na quinta-feira da semana passada. Os colchões estão espalhados pela cela, no chão, e os pertences pessoais dos detentos estão todos em cima de caixotes. Cada cela do espaço, que antes era a enfermaria do hospital, tem um banheiro com um chuveiro e uma privada.

O CMP atualmente abriga 868 pessoas. Inicialmente, ele foi projetado para receber 599 presos, com mais 60 vagas para o hospital. A transferência dos presos da Lava Jato teria sido por conta de “questões de segurança”. Ainda de acordo com o Departamento Penitenciário do Paraná, a intenção é que, em breve, sejam apenas quatro detentos dividindo cada espaço.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
24 de Novembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Apolinho
« Programa Anterior
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »