Conecte-se conosco

Capital Fluminense

Delegado vai ouvir suspeita de atacar criança com ofensa racista

“Você tem inveja porque ela tem a pele branca”, disse mulher à menina negra que brincava em uma pracinha de Senador Camará.

Publicado

em

Delegado vai ouvir suspeita de atacar criança com ofensa racista
Caso aconteceu em uma pracinha do bairro de Senador Camará, na Zona Oeste do Rio

O delegado Bruno Gilaberte, da Delegacia de Bangu afirmou que já identificou a mulher flagrada cometendo ataques racistas a uma criança que brincava numa pracinha, do bairro de Senador Camará, na Zona Oeste do Rio.

O delegado confirmou que essa mulher, que ainda não teve a identidade revelada por ele, deverá ser ouvida na delegacia que apura o caso ainda nesta semana. A investigação logo assim que as imagens do ataque passaram a ser compartilhadas nas redes sociais.

Segundo as publicações do caso na internet, os ataques à criança, que brincava na Praça do Viegas foram filmados pela mãe da vítima com um aparelho de telefone celular e postadas nas redes sociais.

“Você tem inveja porque ela tem a pele branca”, disse uma mulher a uma menina negra. A cena teria ocorrido na noite deste domingo (29).

Ao lado de uma menina branca que supostamente, seria a filha da agressora, a mulher diz ainda para a outra menor, que não aparece no vídeo: “Você não é amiga dela não, você tem inveja dela porque ela tem mais do que você. E melhor. E ela é mais bonita e tem a pele branca”.

Segundo a investigação as imagens indicam se tratar de um ato de preconceito e não injúria racial. Isso, porque se tratou de um ofensa genérica e não individualizada. Nos dois casos a pena pode variar de um a três anos de reclusão.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.