Capital Fluminense

Ex-vereador Jerominho é novamente preso no Rio

Nova condenação é referente a um crime cometido em 2005 de extorsão majorada pelo emprego de arma de fogo

Por Redação Tupi

Jerominho
Nova condenação é referente a um crime cometido em 2005 de extorsão majorada pelo emprego de arma de fogo
(Foto: Reprodução)

O ex-vereador Jerônimo Guimarães Filho, mais conhecido como Jerominho, foi detido, na tarde desta quinta-feira (27), por agentes da Polinter. A ação cumpriu um mandado de prisão por uma nova condenação de um crime cometido em 2005: extorsão majorada pelo emprego de arma de fogo.

De acordo com a Polícia Civil, as investigações apontaram que Jerominho seria o líder da milícia denominada “Liga da Justiça”, considerada a maior e mais conhecida do Rio de Janeiro, enquanto ocupava o cargo de vereador e o irmão, Natalino Guimarães, o de deputado estadual. O grupo criminoso era o responsável por práticas de vários crimes na região da Zona Oeste, tais como homicídios, extorsões, comércio irregular de água e gás, dentre outros.

Nesta nova condenação, as investigações demonstraram que a milícia da “Liga da Justiça”, sob comando do ex-vereador, extorquiu motoristas de vans na região de Campo Grande para que pagassem os valores determinados por ele. O crime aconteceu em 2005 e ele foi condenado de maneira definitiva este ano.

Vale lembrar que Jerominho já havia cumprido pena por outros crimes, tendo ficado preso de 2007 até 2018, quando foi solto. Após a prisão desta quinta, o ex-parlamentar será encaminhado à Secretaria de Administração Penitenciária, onde cumprirá a pena imposta.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
23 de Maio de 2022 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Cristiano Santos
« Programa Anterior
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »