Modal

Governador Wilson Witzel se defende de acusações e diz que não há provas de que ele cometeu irregularidades

Pronunciamento foi feito por meio das redes sociais

Por Isaac Santos

(Foto: Eliane Carvalho / Divulgação Gov. Estado)

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel usou as redes sociais na noite desta segunda-feira (13) para se defender das acusações referentes ao processo de impeachment aberto pela Assembleia Legislativa (Alerj) contra ele. Segundo Witzel, assim como a Casa tem o direito de abrir o processo, ele como governador e como cidadão, tem o legítimo direito a defesa. O chefe do executivo estadual também disse que não há provas de irregularidades contra ele.

“O meu direito a defesa está prejudicado por pelo menos três motivos: a denúncia não contém provas, há indefinição sobre o rito do processo; e não está sendo observado o princípio da proporcionalidade partidária. Por isso, recorri à Justiça pedindo a suspensão do processo”, destacou o governador.

Ainda nesta segunda-feira, os advogados de Wilson Witzel entraram com um mandado de segurança para impedir o processo de impeachment provocando a suspensão do processo. A alegação é que houve irregularidades na condução da mesa diretora da Alerj.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
07 de Agosto de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Cristiano Santos
« Programa Anterior
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »