Rio

Justiça define nesta terça caso de produtor cultural preso há quase um ano após reconhecimento por foto

Três desembargadores votaram pela absolvição e três foram contra

Por Tatiana Campbell

Ângelo Gustavo foi preso após reconhecimento por foto
Ângelo Gustavo foi preso após reconhecimento por foto – Foto: Reprodução/Redes Sociais

A Justiça fluminense decide nesta terça-feira (31) se mantém ou não a prisão de do produtor cultural Ângelo Gustavo, conhecido como Gugu, que está preso há quase um ano acusado de roubo de carro. A família e a Comissão de Direitos da OAB afirmam que ele é inocente e que estava em uma missa no dia do crime.

A defesa alega que ele nunca foi ouvido durante as investigações e que foi preso após um reconhecimento por foto de rede social em uma investigação paralela feita pela vítima do roubo.

Ângelo Gustavo já foi condenado em segunda instância, mas a defesa do produtor cultural pediu revisão do processo. Três desembargadores já votaram pela absolvição e três foram contra. O desempate acontece nesta terça.

A Polícia Civil informou que o rapaz foi preso em cumprimento de um mandado de prisão expedido pela Justiça. A atual gestão da Civil recomendou que os delegados não usem apenas o reconhecimento fotográfico como única prova em inquéritos policiais para pedir a prisão de suspeitos.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
28 de Setembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Apolinho
« Programa Anterior
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »