Conecte-se conosco

Rio

Ministério Público denuncia cônsul alemão por homicídio qualificado

De acordo com o texto, o diplomata causou lesões corporais contra Walter que o levaram à morte

Publicado

em

Polícia prende cônsul alemão suspeito de matar o marido em Ipanema
(Foto: Reprodução)

O Ministério Público do Rio denunciou, nesta segunda-feira (29), o alemão Uwe Herbert Hahn pelo crime de homicídio qualificado contra o cônjuge Walter Henri Biot. A Promotoria também pediu a prisão preventiva do denunciado. De acordo com o texto, no último dia 5, o diplomata causou lesões corporais contra Walter que o levaram à morte.

Ainda segundo o MP, o crime foi praticado com crueldade e a vítima foi submetida a um intenso e desnecessário sofrimento. O delito foi cometido de forma a dificultar a defesa da vítima, que se encontrava com sua capacidade de reação reduzida pela ingestão de bebida alcoólica e de medicação para ansiedade.

Vale lembrar que o cônsul foi posto em liberdade pela Justiça, na sexta-feira (26), porque a desembargadora considerou que os promotores perderam o prazo para apresentar a denúncia. No entanto, o Ministério Público reafirmou que não houve perda de prazo processual.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *