Jornalismo

Witzel diz que não houve violação de direitos humanos em Angra dos Reis

Na última terça-feira, o governador participou de uma ação com a Polícia Civil

Foto: Reprodução

Por: Redação Tupi

Nesta quarta-feira, governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, do PSC, afirmou que na ação que ocorreu na última terça-feira, em Angra dos Reis, não houve violação de direitos humanos.

Durante uma operação conjunta com a Polícia Civil, na Costa Verde do estado, o governador foi com os policiais no helicóptero realizar um mapeamento das regiões afetadas pelo tráfico. Os dez tiros disparados atingiram uma tenda de orações, que foi confundida com uma casamata do tráfico. Ninguém ficou ferido e a operação não prendeu nenhum suspeito.

No Senado, Witzel declarou que são falsas as alegações feitas contra ele.

“Em Angra não houve violações de direitos humanos, não se atirou em nenhuma pessoa. O voo foi de reconhecimento. Tudo absolutamente dentro daquilo que determinam os protocolos. Isso de acusar o governador de genocida, dizer que está atirando em morador da comunidade, isso é absolutamente mentiroso, falso, não há prova de nada, e vão responder por isso”, disse o governador.

Witzel também disse que o PSC irá apresentar um requerimento de decoro parlamentar contra quem fez a denúncia, no caso, a deputada estadual Renata Souza, do PSOL-RJ, presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). De acordo com ele, ela não tem provas o suficiente para tal acusação.

enquete

Você acha futebol chato ou emocionante?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
19 de Outubro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Super Futebol Tupi
« Programa Anterior
21:00 - Show de Bola
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »