Auxílio Emergencial

Pagamento de auxílio vai ser feito com ‘serenidade’ para evitar balbúrdia, diz ministro

É possível que o pagamento ocorra apenas na primeira semana de abril

Por Marcos Antonio de Jesus

(Foto: Reprodução/ Agência Brasil)

O ministro da Cidadania, João Roma, disse que a retomada do auxílio emergencial deve ser feita com “serenidade” para evitar “balbúrdia” no pagamento do benefício a 46 milhões de vulneráveis. João Roma vê risco de filas, distúrbios e quebra-quebra em agências se houver informações divergentes sobre as datas de liberação do dinheiro e o valor, em média de R$ 250 mensais, nos próximos quatro meses.

Embora o governo pretendesse iniciar o pagamento ainda em março, como vinha sendo anunciado, é possível que o pagamento ocorra apenas na primeira semana de abril. Em 2020, o benefício foi pago a 68 milhões de pessoas. Agora, o cadastro terá 46 milhões de destinatários.

O governo não pretende abrir um novo cadastro, salvo acréscimos por ordem judicial. Mais uma vez, o governo vai divulgar um calendário de pagamentos, a partir do mês de nascimento, como feito no ano passado.

 

Comentários
enquete

Viih Tube mereceu vencer a prova do líder?

Carregando ... Carregando ...


AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
16 de Abril de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Radar Tupi
« Programa Anterior
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »