Brasil

Gilmar Mendes pretende julgar condenação de Moro a Lula ainda este ano

Ministro do STF deu a declaração em entrevista ao jornal argentino Clarín

Por redação tupi

Gilmar Mendes (Foto: Dorivan Marinho/STF)

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, disse que pretende julgar, ainda este ano, o recurso da defesa do ex-presidente Lula contra as condenações impostas pelo então juiz federal Sergio Moro.

“É importante que [o recurso de Lula] seja analisado. Certamente o que surgirá no debate é se as razões que estão ali [expostas] são suficientes ou se vamos poder usar aquilo que está nas informações do The Intercept. Espero que seja ainda neste ano”, afirmou Gilmar Mendes ao Clarín.

A defesa de Lula acusa Moro de realizar um julgamento parcial.

“Quem se colocou sob questionamento foi o próprio ministro da Justiça [Moro], quando optou por deixar o cargo de juiz e assumir uma função governamental servindo a [Jair Bolsonaro] que derrotou as forças de oposição e que é beneficiário, de alguma forma, de suas decisões”, opinou Mendes.

O recurso de defesa do ex-presidente está sendo julgado pela Segunda Turma do STF, formada por 5 dos 11 ministros da Corte Suprema. O caso começou a ser julgado em dezembro, mas teve o julgamento interrompido por um pedido de vista de Mendes. Por isso, para que a análise seja retomada, é preciso que o ministro devolva o processo para julgamento.

recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
08 de Dezembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Super Futebol Tupi
« Programa Anterior
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »