Brasil

Pedido de uso emergencial da vacina da CanSino contra a Covid-19 é arquivado pela Anvisa

Decisão foi tomada por falta de alinhamento entre o laboratório e a farmacêutica que o representava no Brasil

Por Redação Tupi

vacina cansino
Anvisa arquiva pedido de uso emergencial da vacina da CanSino (Foto:Reprodução)

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) arquivou o pedido de uso emergencial da vacina contra Covid-19 Convidecia, produzida pelo laboratório chinês CanSino.

De acordo com a agência, a decisão foi tomada devido à falta de alinhamento entre a fabricante e a Belcher Farmacêutica do Brasil Ltda, que protocolou o pedido de autorização para uso emergencial.

A CanSino entrou em contato com a Anvisa no dia 17 deste mês informando que a farmacêutica brasileira e o Instituto Vital Brazil S.A não possuíam mais autorização para representar o laboratório no Brasil, tampouco requisitar o uso emergencial do imunizante. Assim, diz a Anvisa, as duas empresas não têm legitimidade para atuar nos processos administrativos.

A CPI da Covid quer investigar a aquisição das doses da CanSino, da russa Sputnik e da indiana Covaxin, que hoje é o foco das apurações. As três vacinas são mais caras e teriam de ser compradas de laboratórios internacionais por meio de empresas intermediárias no Brasil.

 



Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
25 de Julho de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Bola em Jogo
« Programa Anterior
15:00 - Super Futebol Tupi
22:00 - Giro Esportivo
20:00 - Conexão Tupi
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »