Brasil

STF decide não priorizar vacinação de pessoas com deficiência

Determinação foi do ministro Ricardo Lewandowski

Por Redação Tupi

(Foto: Nelson Jr. / SCO/ STF)

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, negou nesta quinta-feira (27) uma liminar que obrigaria o governo federal a considerar a inclusão de todas as pessoas com deficiência como grupo prioritário para vacinação contra Covid-19.

Lewandowski considerou que o pedido era amplo demais para poder ser atendido. Nas últimas semanas, o ministro já havia negado a mesma solicitação feita pela Federação Brasileira de Associações de Síndrome de Down (FBASD).

Pelo “Plano Nacional de Vacinação” contra a Covid-19, integram o grupo prioritário nesta primeira da imunização apenas as pessoas com deficiência permanente e severa. Ou seja, casos considerados mais graves, onde ainda não há recuperação.

Comentários
enquete

Quem vai levar a melhor na estreia do Carioca?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
02 de Março de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Programa Francisco Barbosa
« Programa Anterior
12:00 - Patrulha da Cidade
14:00 - Show do Pedro Augusto
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »