Botafogo

Gustavo Bochecha relata insulto racista de torcedor, e Juventude emite nota de repúdio

Torcedor foi identificado e retirado pela polícia do Estádio. Ele foi encaminhado para o Juizado Especial Criminal (Jecrim) do Alfredo Jaconi para registrar ocorrência

Por: Redação Tupi 
Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo

O volante do Botafogo, Gustavo Bochecha, relatou um insulto racista de um torcedor do Juventude, na partida pela Copa do Brasil, na última quinta-feira, quando estava no banco de reservas do estádio Alfredo Jaconi.

O torcedor foi identificado e retirado pela polícia do Estádio. Ele foi encaminhado para o Juizado Especial Criminal (Jecrim) do Alfredo Jaconi para registrar ocorrência.

Após a partida, o Juventude emitiu uma nota de repúdio sobre o ocorrido. Confira: 

“Dadas as acusações de um atleta do Botafogo de Futebol e Regatas em relação a insultos descabidos por parte de um torcedor, o Esporte Clube Juventude salienta que não compactua com nenhum tipo de ato discriminatório.

Ao tomar conhecimento do fato, o Esporte Clube Juventude prontamente se mobilizou juntamente com a Polícia Militar para que fosse realizada a identificação do torcedor. O mesmo foi identificado e conduzido ao posto do Juizado Especial Criminal, que, costumeiramente, atua com plantão no estádio Alfredo Jaconi em dias de jogos.

O Esporte Clube Juventude reitera que atitudes individuais e isoladas não representam a postura da torcida e do clube”.

enquete

Mulheres administram melhor o dinheiro do que os homens?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
17 de Outubro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Mário Belisário
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
13:10 - Show do Pedro Augusto
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
12:00 - Patrulha da Cidade
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »