Política

‘Sem essa conversa de fechar’, diz Bolsonaro a apoiador que pediu fechamento do STF

Presidente defendeu Congresso e STF abertos e pediu transparência nas duas instituições.

Por Lucas Araújo

Foto: Facebook / Jair Messias Bolsonaro

Após participar de uma manifestação que pediu a intervenção militar no Brasil nesse domingo, o presidente Jair Bolsonaro repreendeu um apoiador que pediu o fechamento do Supremo Tribunal Federal (STF), durante uma conversa com jornalistas na manhã desta segunda-feira, em frente ao Palácio da Alvorada, em Brasília.

— “Fecha o Supremo”, disse um homem que acompanhava a entrevista coletiva de Bolsonaro.

Não satisfeito, o presidente retrucou a fala do apoiador:

— “Sem essa conversa de fechar. Aqui não tem fechar nada, dá licença aí. Aqui é democracia. Aqui é respeito à Constituição brasileira. E aqui é a minha casa e a sua casa, então peço por favor para que não fale isso aqui. Supremo aberto, transparente. Congresso aberto, transparente”, respondeu.
Bolsonaro afirmou ainda que, as faixas que pediam a intervenção e os fechamentos do Congresso e do STF tratava-se de infiltrados que têm direito à liberdade de expressão:

— “Todo e qualquer movimento tem infiltrado, tem gente que tem a sua liberdade de expressão. Respeita a liberdade de expressão”, afirmou.

 

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
29 de Maio de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »