Conecte-se conosco

Baixada Fluminense

Polícia Civil desarticula milícia armada com arsenal de guerra que atuava em Caxias e em Rio Bonito

Grupo paramilitar é investigado pela prática de dois homicídios no bairro Rio Seco, em Rio Bonito; líder é procurado pela polícia  

Publicado

em

miliciano procurado caxias rio bonito
(Foto: Reprodução)

Policiais civis da delegacia de Rio Bonito (119ª DP) desmantelaram uma quadrilha de milicianos de Duque de Caxias que estava expandindo os negócios para Rio Bonito e é investigada pela prática de dois homicídios no bairro Rio Seco, em Rio Bonito.

Os agentes contaram com informações do Disque Denúncia e localizaram os criminosos em um sítio. O segurança do local estava armado com uma granada e o caseiro foi flagrado com uma pistola. Os agentes, que cumpriram ordem de busca e apreensão no local, flagraram armadilhas espalhadas no sítio em fios esticados e rojões apontados para as pessoas que adentraram o local.

Os policiais encontraram nos cômodos da residência uma carabina calibre .12 com tripé, luneta e lanternas acoplados, uma metralhadora calibre 9mm com silenciador, munições de diversos calibres, além de coletes balísticos e materiais operacionais.

O dono do sítio, foi identificado como José Jaílson Almeida o Jajá, de 52 anos, um conhecido miliciano que mantém sua base no município de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Contra ele existe um mandado de prisão pendente pelo crime de homicídio qualificado e a autoridade Policial da Delegacia de Rio Bonito, representará por outra prisão em desfavor de José Jaílson em função do farto material bélico encontrado. Os agentes seguem as buscas para localizar o líder do grupo e para identificar os outros membros da milícia.

Continue lendo