Conecte-se conosco

Cultura

Cristo Redentor participa de ação da UNESCO em alusão ao Dia Mundial da Água

Uma das maravilhas do mundo recebeu projeções de pinturas feitas por Claude Monet

Publicado

em

Cristo Redentor ganha projeções inéditas do impressionismo francês em alusão ao Dia Mundial da Água
Cristo Redentor ganha projeções inéditas do impressionismo francês em alusão ao Dia Mundial da Água. (Foto: Divulgação)
Cristo Redentor ganha projeções inéditas do impressionismo francês em alusão ao Dia Mundial da Água

Cristo Redentor ganha projeções inéditas do impressionismo francês em alusão ao Dia Mundial da Água. (Foto: Divulgação)

O Cristo Redentor recebeu, na noite da última terça-feira (22), imagens inéditas que remetem às paisagens que são consideradas patrimônios à beira d’água, todas elas pintadas pelo pintor francês Claude Monet.

A ação foi uma iniciativa da UNESCO no Brasil em parceria com o Santuário Cristo Redentor e a exposição imersiva “Monet À Beira D’Água”, em cartaz no Rio.

A projeção no Cristo Redentor vai exibir as pinturas que mostram a cidade de Le Havre, na França, os canais e moinhos da Holanda, o Palácio de Westminster, na Inglaterra, e os canais de Veneza, na Itália. Todos esses locais são considerados Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO.

“Monet, o maior ícone do impressionismo, era apaixonado pela água e por todas as suas formas. Sabia da necessidade de preservá-la, de proteger as fontes d’água. Essa projeção busca alertar sobre a preservação do Patrimônio Mundial Natural e reforçar também que a água limpa e segura e o saneamento são direitos essenciais para a vida. Nada mais simbólico do que a escolha do Cristo Redentor, que também é um Patrimônio da Humanidade. Estamos projetando patrimônios em outro patrimônio”, conta o curador, Naum Simão.

A Diretora e Representante da UNESCO no Brasil, Marlova Noleto, destaca que a iniciativa é uma forma de chamar a atenção para a necessidade de buscar uma nova relação com os bens do patrimônio mundial. “Monet retratou com grande sensibilidade e beleza imagens de paisagens oceânicas e de cursos d’água doce reconhecidas como sítios de patrimônio mundial pela UNESCO. Assim, nesse Dia Mundial da Água, destacamos a importância de olharmos para ela com os olhos de Claude Monet, ou seja, com o olhar contemplativo de admiração e respeito”.

No mundo, mais de 800 milhões de pessoas ainda não possuem acesso à água potável segura e outros 2,6 bilhões de pessoas não possuem acesso ao saneamento básico. Por esse motivo, alguns bens do patrimônio mundial encontram-se ameaçados, principalmente diante de eventos climáticos extremos.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.