Rio

Operação Favorito: MPF denuncia empresário Mário Peixoto e mais 16 pessoas por danos à Saúde do Rio

Eles foram denunciados por lavagem de dinheiro, organização criminosa e obstrução à investigação

Por Redação Tupi

Foto: Reprodução

O Ministério Público Federal denunciou 17 pessoas por danos à Saúde do Rio, nesta sexta-feira. O esquema era liderado pelo empresário Mário Peixoto desde 2012. Ele foi preso na Operação Favorito, desdobramento da Lava Jato.

A acusação é pelos crimes de lavagem de dinheiro, pertinência a organização criminosa (orcrim) e obstrução à investigação. Os danos superam o valor de R$ 500 milhões oriundos dos cofres públicos do Estado do Rio e prefeituras fluminenses.

Mário Peixoto é dono de empresas que celebraram diversos contratos, como o de fornecimento de mão de obra terceirizada, com os governos estadual – desde a gestão de Sérgio Cabral, cresceu durante o governo de Luiz Fernando Pezão e presta serviços ao governo de Wilson Witzel – e está em unidades do governo federal.

Comentários
recomendadas

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
25 de Novembro de 2020 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Giro Esportivo
« Programa Anterior
Nenhum programa encontrado
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »