Rio

Polícia pede prisão de suspeitos de morte de Fernando Iggnácio

Na última quarta (18), a polícia já tinha pedido a prisão do primeiro identificado

Por Redação Tupi

Foto: Reprodução

A Delegacia de Homicídios da Capital pediu a prisão preventiva de outros dois homens que foram identificados e são acusados de terem participado do assassinato do contraventor Fernando Iggnácio. Genro e um dos herdeiros do falecido contraventor Castor de Andrade, Fernando foi executado no último dia 10, no Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste do Rio.

Na última quarta (18), a polícia já tinha pedido a prisão do primeiro identificado: o cabo da Polícia Militar, Rodrigo Silva das Neves. As investigações para esclarecer o fato estão em andamento.

Fernando se dirigia ao estacionamento da empresa Heli-Rio, quando foi atingido por disparos de fuzil. Ele era investigado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro como mandante da morte do ex-policial militar Anderson Cláudio da Silva, o Andinho, em 10 de abril de 2018,  também no Recreio. Além disso, travava há 22 anos uma disputa com o contraventor Rogério Andrade, sobrinho de Castor, pelo controle dos pontos de bicho e de caça-níqueis na região da Zona Oeste.

Comentários

enquete

Fluminense tem chances de avançar na Libertadores da América?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
13 de Maio de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Na Companhia Do Garcia
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
04:00 - Show do Mário Belisário
06:00 - Show do Antônio Carlos
08:00 - Show do Clóvis Monteiro
10:00 - Programa Isabele Benito
11:00 - Programa Francisco Barbosa
12:00 - Patrulha da Cidade
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
13:00 - Cidinha Livre
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »