Rio

Prefeitura libera 10% de público no Maracanã para o jogo do Flamengo pela Libertadores

Medidas como esquema vacinal completo, distanciamento de 2m entre cada torcedor e teste negativado precisam ser cumpridas

Por Tatiana Campbell

Imagem do estádio do Maracanã
(Foto: Divulgação/Alerj)

A Prefeitura do Rio autorizou a presença de 10% de público no jogo da Libertadores do dia 18 de agosto no Maracanã, entre Flamengo e Olimpia. Segundo o secretário municipal de saúde, Daniel Soranz, medidas como esquema vacinal completo, distanciamento de 2 metros entre cada torcedor e teste negativado precisam ser cumpridos.

“A gente manteve as mesmas regras que a gente liberou anteriormente e a gente pede que o mesmo não se repita e que haja correção. Nossa expectativa é que o Flamengo consiga corrigir os rumos, fazendo entrada escalonada, por exemplo”.

A Prefeitura disse ainda que foram encontrados testes falsos de covid no jogo da Copa América, os dados serem entregues ao Ministério Público. “É importante que a empresa que realize os testes sejam credenciadas. Nós encontramos uma série de testes falsos e adulterados na Copa América e estaremos encaminhando esses dados falsificados ao Ministério Público”.

O anúncio dessas novas medidas foram feitos durante coletiva de imprensa no Centro de Operações Rio nesta sexta-feira (30).

Expectativa de que em setembro 54% da população adulta esteja totalmente vacinada e que 91% já tenha recebido a primeira dose é apenas 9% não tenha se vacinado. Em novembro a expectativa é de que toda a pulação adulta esteja 90% totalmente vacinada. E 7% sem estar imunizada.

 

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, e Daniel Soranz, secretário municipal de Saúde, anunciaram na tarde dessa quinta-feira (29), durante coletiva de imprensa no Palácio da Cidade, um plano gradual de flexibilização das medidas restritivas contra o coronavírus na capital fluminense. O plano conta com três etapas ao todo, sendo a primeira no dia 02 de setembro, a segunda no dia 17 de outubro e a terceira e última etapa no dia 15 de novembro.

Também nesta primeira etapa do plano haverá a autorização do funcionamento de boates e casas de shows com metade do público.

Em outubro, na segunda fase, os estádios, casas de espetáculo e danceterias poderão ter capacidade máxima, mas seguindo as exigências do ciclo vacinal completo e do uso obrigatório de máscara. A última etapa do plano consiste justamente no fim de todas as restrições, com livre circulação e uso de máscaras de proteção obrigatório só nos transportes públicos e nas unidades de saúde.

O anúncio é uma espécie de “plano de voo” das atividades que vão ser liberadas, conforme o avanço da vacinação contra a Covid-19. Durante a coletiva, o prefeito explicou que, assim como projetou um calendário de vacinação, decidiu anunciar este plano, denominado como “Rio De Novo”, para o carioca “poder ter de novo uma vida normal”.

Porém, alguns pré-requisitos foram estabelecidos para que este planejamento seja colocado em prática. Para a redução das restrições, o cenário epidemiológico terá de ser favorável, com a continuidade da chegada de vacinas, a manutenção da imunização da população, além da alta cobertura vacinal das pessoas acima de 60 anos e com comorbidades.

Até setembro, a expectativa da Prefeitura é de que 77% da população já tenha recebido a primeira dose da vacina contra a Covid-19 e que 45% já estejam vacinados com a segunda dose ou dose única.

Quatro dias de festas

De acordo com o prefeito Eduardo Paes, a reabertura será acompanhada de uma celebração de quatro dias, entre 2 e 5 de setembro, em toda a cidade. Neste período, a ideia é ter manifestações culturais e artísticas em centenas de pontos da capital, eventos em pólos gastronômicos, DJ’s espalhados pela orla, iluminações e projeções em diversos locais, atividades em todas as vilas olímpicas, além da oferta de aulas de meditação, tai chi chuan e ioga em praças e parques.

Haverá ponto facultativo na sexta-feira dia 3 de setembro e o fechamento de ruas para o trânsito. Também será ofertada uma programação especial nas cidades das Artes e do Samba; mapping e orquestra nos Arcos da Lapa; e meia entrada em pontos turísticos da capital fluminense.

Ainda fazem parte dessas celebrações um campeonato de futebol solidário em comunidades; uma edição do chamado “Jogos de Botequim”; e a realização da “Taça Renasce Rio”.

Paes também anunciou nessa quinta que pretende transformar a data de 2 de setembro em feriado municipal. A proposta, no entanto, ainda depende de aprovação da Câmara do Rio. A data seria chamada de “Dia do Reencontro”.

Após o apelo do prefeito, a organização do Rock in Rio confirmou a realização do festival para os dias 02, 03, 04, 08, 09, 10 e 11 de setembro de 2022, no Parque Olímpico, na Zona Oeste. E, ainda segundo os organizadores, nas próximas semanas ocorrerá o anúncio de diversas novidades ao publico, incluindo os nomes de bandas e artistas que irão se apresentar na próxima edição do evento.



recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
24 de Setembro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Heleno Rotay
« Programa Anterior
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »