Rio

STJ decide que motoristas de Uber não têm vínculo trabalhista com a empresa

De acordo com o ministro Moura Ribeiro, 'os serviços são prestados de forma eventual, sem horários pré-estabelecidos e não recebem salário fixo'

Por Redação Tupi

Foto: Reprodução

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu nesta quarta-feira que motoristas que trabalham para serviços de transportes por aplicativo não têm qualquer tipo de vínculo trabalhista com as empresas. A medida serve para companhias como a Uber. De acordo com o ministro Moura Ribeiro, “os serviços são prestados de forma eventual, sem horários pré-estabelecidos e não recebem salário fixo”.

Em nota, a Uber afirmou que a decisão reforça o entendimento da Justiça do Trabalho, que afirmou que não existe vínculo empregatício entre motoristas parceiros e a empresa.

recomendadas
Comentários

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
05 de Dezembro de 2019 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Pedro Augusto
« Programa Anterior
20:00 - Super Futebol Tupi
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »