Jornalismo

Pedido para que Paulo Messina não analise impeachment de Crivella é protocolado

Ex-secretário da Casa Civil é próximo do prefeito do Rio e votou contra a abertura do processo

Paulo Messina é aliado de Crivella. Foto: Divulgação

Uma solicitação para que o ex-secretário da Casa Civil, Paulo Messina (PROS) deixe a Comissão Processante de impeachment do prefeito do Rio, Marcelo Crivella, foi protocolado pela vereadora Teresa Berher (PSDB) na tarde desta quinta-feira. A alegação da parlamentar é a proximidade de Messina com Crivella, que, inclusive, votou contra a abertura abertura do processo.

Outro argumento usado por Teresa é o fato dele ser o titular da Casa Civil no período em que os contratos de mobiliários urbanos suspeitos foram feitos e que motivaram a denúncia pelo crime de responsabilidade. Messina deixou o cargo um dia antes da votação.

A Mesa Diretora pode levar o pedido à plenário para votação. Caso seja aprovado, Messina será afastado imediatamente e outro sorteio será feito. Dos três vereadores sorteados, somente um votou a favor da abertura da investigação, o deputado Willian Coelho (MDB). Luiz Carlos Ramos Filho (Podemos) também votou contra.


AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
26 de Janeiro de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Show do Pedro Augusto
« Programa Anterior
15:30 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »