Política

Bolsonaro questiona críticas à sua fala sobre morte de Fernando Santa Cruz: ‘O que eu falei demais?’

O presidente também falou sobre as vítimas da Ditadura Militar: "Se não tivesse aquela vontade de implantar o comunismo no Brasil não teria nada disso"

Por Redação Tupi

O presidente também falou sobre as vítimas da Ditadura Militar: “Se não tivesse aquela vontade de implantar o comunismo no Brasil não teria nada disso”
(Foto: Marcos Corrêa/Presidência da República)

O presidente da República Jair Bolsonaro (PSL) voltou a se manifestar acerca da declaração dada por ele sobre a morte de Fernando Augusto de Santa Cruz Oliveira, pai do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, desaparecido durante o período da Ditadura Militar (1964-1985). Segundo Bolsonaro, não havia “nada de mais” em sua fala.

Na manhã desta sexta-feira, na saída do Palácio da Alvorada, o presidente da República afirmou para jornalistas: “O quê que eu falei demais para vocês? Me respondam. O que eu tive conhecimento na época. Eu ofendi o pai dele? Não ofendi o pai dele. O que eu tive conhecimento na época, o assunto foi esse”.

Na última segunda-feira, também para jornalistas, Bolsonaro havia dito: “Um dia se o presidente da OAB quiser saber como é que o pai dele desapareceu no período militar, eu conto para ele. Ele não vai querer ouvir a verdade. Eu conto para ele”. Após a repercussão da fala, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso deu um prazo de 15 dias para o presidente responder, caso queira, a uma interpelação feita por Felipe Santa Cruz ao Supremo.

Perguntado se irá prestar os esclarecimento ao STF, Bolsonaro declarou: “Eu não tenho essa obrigação (de responder o pedido), agora, é só transcrever o que eu falei para vocês (jornalistas) aqui. Mesmo eu não sendo obrigado, eu presto. Eu não falei nada de mais, eu vou entregar o vídeo e vou fazer a degravação e mandar”.

Acerca das mortes ocorrida durante a Ditadura Militar, o presidente ainda pronunciou: “Lamento todas as mortes que tiveram dos dois lados, se não tivesse aquela vontade de implantar o comunismo no Brasil não teria nada disso. Se tivessem aceitado a normalidade do que acontecia, nada teria”.

Comentários
enquete

Os quatro maiores clubes do Rio se sairão melhor na segunda rodada do carioca?

Carregando ... Carregando ...

AO VIVO
OUÇA AO VIVO
VOLTAR AO SITE
05 de Março de 2021 - 96.5 FM
OUÇA AQUI
Cidinha Livre
« Programa Anterior
15:00 - Show do Heleno Rotay
17:00 - Show do Apolinho
19:00 - Radar Tupi
20:00 - Programa Cristiano Santos
21:00 - Tupi na Rede
22:00 - Giro Esportivo
Próximo Programa »
  • Transmissão em Vídeo
Acompanhe também »